Arquivo da tag: Livros

Projeto de leitura de escola obtém reconhecimento nacional

Matéria publicada em 26/06/2017 no site da PMPA

 

Texto de: Cristina Lac

 

O Projeto Curumim Contou, desenvolvido durante todo o ano passado junto às turmas do terceiro ano da Escola Municipal de Ensino Fundamental Ana Íris do Amaral, na zona Leste de Porto Alegre, obteve reconhecimento nacional. De autoria das professoras Ana Cristina Motta da Silva e Patricia Dias Stefanello, o trabalho ficou em primeiro lugar na 14ª edição do Concurso Uka Curumim – Leitura de Obras de Escritores Indígenas, promovido pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ).

 

Com sede no Rio de Janeiro, a entidade representa a seção brasileira do International Board on Books for Young People (Ibby), organização sem fins lucrativos que busca aproximar as crianças dos livros, localizada na Suíça. Ana recebe a certificação nesta terça-feira, 27, durante o 17° Salão FNLIJ do Livro para Crianças e Jovens, no Rio.

 

Reprodução do site Beta Redação. O livro está disponível para consulta e empréstimo na Biblioteca da SMED

 

De acordo com a professora, que leciona há 14 anos na escola Ana Íris, o projeto, voltado à cultura dos povos originários do Rio Grande do Sul, envolveu cerca de 80 alunos, de 8 e 9 anos, em diversas etapas. A culminância foi a produção do livro “Projeto Curumim Contou”, de 64 páginas, totalmente escrito e ilustrado pelos estudantes. O  livro foi financiado pelo projeto social Escrevendo o Futuro, da empresa gaúcha Dufrio, com sede na Capital.

 

As atividades do projeto desdobraram-se a partir da leitura de autores brasileiros indígenas propostos pelo concurso (Daniel Munduruku, Olívio Jekupé, Jeguaká Mirim) e incluíram a pesquisa dos hábitos e legados das etnias que habitaram o território gaúcho – Caingangue, Charrua e Mbyá-Guarani. Os alunos também realizaram uma vivência na aldeia Tekoá Pindó Mirim, em Itapuã, Viamão, onde passaram um dia inteiro com os colegas da escola estadual Nhamandu Nhemopua, que fica dentro da aldeia. Os estudantes da escola indígena também participaram da produção do livro.

 

Para os alunos da Ana Íris, o resultado do trabalho teve grande impacto: além de aprender a valorizar os contadores orais, que vieram antes da escrita, eles associaram, por exemplo, que hábitos atuais típicos do gaúcho, como o chimarrão e o fogo de chão, têm origem nos índios. E também levaram o tema para suas famílias, descobrindo as raízes indígenas vindas de seus antepassados. Segundo conta a professora, vencer o concurso, além de gratificante, foi uma surpresa: “Nunca imaginei que tiraria o primeiro lugar! E trazer visibilidade para um povo esquecido e hoje marginalizado para o espaço-escola, para o espaço-social, é de alta relevância para o estudo da identidade do povo brasileiro.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Escolas municipais e professores municipários, Gosto pela leitura

Doação do escritor Rafael Guimaraens

Recebemos com muita alegria a doação de 26 exemplares do recém-lançado O sargento, o marechal e o faquir. O escritor Rafael Guimaraens – que faz parte do Adote um Escritor desde 2009 – veio fazer a entrega acompanhado da Clô Barcellos, da editora Libretos.

Esses exemplares serão encaminhados às bibliotecas escolares municipais que atendem o nível de Educação de Jovens e Adultos (EJA). A Biblioteca da SMED ficará com um item autografado pelo Rafael.

Muito obrigada!

Link para a resenha da obra, que foi produzida com incentivos do governo federal: http://www.libretos.com.br/index.php/audiolivros?page=shop.product_details&flypage=flypage.tpl&product_id=173&category_id=49&vmcchk=1

Deixe um comentário

Arquivado em Diversos

Aquisições de julho a setembro

Estas foram nossas aquisições no período de julho a setembro de 2016. Detalhes no arquivo anexo

Boletim v. 4, n.3, jul./set. 2016 > boletim-v-4-n-3-2016

 

Já estão disponíveis para empréstimo!

Deixe um comentário

Arquivado em Aquisições

Boletim de novas aquisições 2016, v.4, n.2

Confira os exemplares novos que foram incorporados ao acervo da Biblioteca Smed no período de abril a junho de 2016.

Boletim v.4 n.2 2016

Deixe um comentário

Arquivado em Aquisições

Vencedores do Prêmio Professor Excelência autografam na feira

Matéria publicada no portal da prefeitura em 10/11/2015

 

Texto de: Luiz Eduardo Campesato (estagiário) / Supervisão: Andrea Pinto

O livro Professor Excelência – Edição 2014, terá uma sessão de autógrafos às 18h desta terça-feira, 10, no Memorial do Rio Grande do Sul (rua 7 de Setembro, 1020 – Praça da Alfândega). A publicação conta com os textos das primeiras, segundas e terceiras colocações de cada categoria do Prêmio Professor Excelência: Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio/Educação de Jovens e Adultos. O evento faz parte da programação da Feira do Livro e dos 60 anos da Secretaria Municipal de Educação (Smed) e será aberto ao público, com a presença do prefeito José Fortunati e da secretária da Smed, Cleci Jurach.

Na Categoria I – Educação Infantil, o prêmio ficou com a professora Greice Stivanin, da Escola Municipal de Educação Infantil Mamãe Coruja, com o trabalho Reorganização e Qualificação da Dinâmica de Alimentação na Turma do Berçário.

Na Categoria II – Ensino Fundamental ou Especial, a vencedora foi a professora Vera Janete Ortiz Ribeiro, da Escola Municipal de Ensino Fundamental José Loureiro da Silva, com o trabalho Mandalas – Repensando o Círculo da Vida, através do Círculo da Arte: Rosáceas e Mandalas.

Na Categoria III – Ensino Médio ou Educação de Jovens e Adultos, o prêmio foi conquistado pela professora Carine de Oliveira Frank, da Escola Municipal de Ensino Fundamental Presidente João Belchior Marques Goulart, com o trabalho O Ensino da Língua Espanhola por Meio de Tecnologias Digitais Virtuais na Educação de Jovens e Adultos.
Sobre a iniciativa – Criado em 2010, o Prêmio Professor Excelência visa valorizar as práticas pedagógicas inovadoras dos professores da rede municipal, reconhecendo a relevância do trabalho dos docentes da educação básica como intervenção transformadora.

= = = = = = =

Os livros da premiação Professor Excelência estão à venda na banca da SMED e SMC na 61ª Feira do Livro de Porto Alegre – perto da Praça de Alimentação e prédio do Santander Cultural. Temos exemplares desde a edição de 2010. Obs.: nossa banca não trabalha com cartões de crédito e débito.

Deixe um comentário

Arquivado em Diversos, Escolas municipais e professores municipários

Prefeitura realiza troca de livros e alimentos neste sábado

Matéria publicada no portal da Prefeitura em 09/05/2015

Texto de: Cibele Carneiro

O Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU) realiza neste sábado, 9, duas edições do projeto Troca Solidária. Das 14h às 18h, a comunidade Bonsucesso, na Lomba do Pinheiro (rua Rio Negro, 59), terá a oportunidade de trocar cerca de 4 quilos de resíduos recicláveis por 1 quilo de hortifrutigranjeiros. Além disso, das 9h às 12h, será realizada uma edição especial do projeto na Escola Municipal de Ensino Fundamental Governador Ildo Meneghetti (rua Jayme Cyrino Machado de Oliveira, 250, no Rubem Berta). Pela primeira vez no país será realizada ação de troca de resíduos por livros.

20/03/2015, Troca Solidária Local: Praça Demétrio Ribeiro – Vila Santa Clara. Foto: Luciano Lanes /PMPA

A Troca Solidária de Livros, que visa estimular não apenas a correta separação dos resíduos, mas também incentivar a leitura, ocorrerá na escola Ildo Meneghetti das 9h às 12h. A escola receberá 500 livros da Fundação Gaúcha dos Bancos Sociais (Banco de Livros), vinculada à Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (Fiergs). Cerca de 4 quilos de resíduos recicláveis serão trocados por dois livros. Um ficará com o aluno e o outro será doado à biblioteca para uso de toda a comunidade escolar. A escola também receberá 57 livros do escritor Jorge Martins, patrono desta edição do Troca Solidária de Livros. Esses volumes serão doados pelo DMLU, que coordena o projeto.
O DMLU ainda irá realizar ação para eliminar um foco de lixo, na proximidade da escola. O diretor-geral do Departamento, André Carús, destacou que a iniciativa, pioneira no país, busca ressaltar a importância da correta separação e descarte de resíduos e o hábito da leitura. “Sabemos que crianças e adolescentes são multiplicadores de boas ações em suas famílias e comunidades. Entendemos que, ao estimular bons hábitos neste público-alvo, nosso alcance é muito maior”, destacou.
Ao longo da manhã, haverá ainda palestra do escritor Jorge Martins, um ex-menino de rua, que falará de sua trajetória pessoal, de como superou adversidades e hoje é autor dos livros Meu nome é Jorge, O menino da caixa de sapatos e O menino e o seu segredo. “Para ser alguém na vida, não é preciso ter poder aquisitivo alto, não interessa a cor da pele ou o ambiente em que se está inserido, apenas vontade. É este incentivo que busco trabalhar nas minhas palestras”, afirma.
O Troca Solidária de Livros é uma parceria d DMLU, da Secretaria Municipal de Educação (Smed) e do Banco de Livros, com o apoio do escritor Jorge Martins. O Troca Solidária de alimentos é uma parceria do DMLU com a Secretaria Municipal de Indústria e Comércio (Smic) e o Sindicato Rural.
Próximas edições
– Troca Solidária de Livros: dia 16 de maio, das 9h às 12h, na Escola Municipal de Ensino Fundamental Judith Macedo de Araújo.
– Troca Solidária de alimentos: Castelo, na Restinga (16 de maio); Maria da Conceição (23 de maio); Cohab Cavalhada (30 de maio); Vila Mirim (6 de junho); e Santa Rosa (13 de junho).
 
Lista de resíduos recicláveis aceitos para a troca: 
– Metais
– Plásticos
– Vidros (devem ser entregues em sacos separados, para evitar acidentes na coleta e na descarga na Unidade de Triagem)
– Papéis
– Embalagem longa vida
Resíduos não permitidos: embalagens com resíduos perigosos, medicação vencida, pilhas e baterias, lâmpadas fluorescentes, resíduos eletrônicos, madeira, resíduos da construção civil, orgânicos e similares.

Deixe um comentário

Arquivado em Escolas municipais e professores municipários, Gosto pela leitura

Capital faz ação de estímulo à leitura e à separação de resíduos

Matéria publicada no portal da Prefeitura em 30/04/2015

Texto de: Cibele Carneiro

Nos dias 9 e 16 de maio, será realizada em Porto Alegre edição especial do projeto Troca Solidária. A iniciativa original, que prevê a troca de cerca de 4 quilos de resíduos recicláveis por 1 quilo de alimentos hortifrutigranjeiros em regiões carentes da Capital, será adaptada para estimular não apenas a correta separação dos resíduos, mas também incentivar a leitura. Esta é a primeira vez no país que será realizada ação de troca de resíduos por livros. 

20/03/2015, Troca Solidária Local: Praça Demétrio Ribeiro – Vila Santa Clara. Foto: Luciano Lanes/PMPA

Duas escolas municipais de ensino fundamental irão participar do Troca Solidária de Livros, das 9h às 12h: Governador Ildo Meneghetti, no dia 9, e Judith Macedo de Araújo, no dia 16. Cada escola receberá 500 livros da Fundação Gaúcha dos Bancos Sociais (Banco de Livros), vinculada à Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (Fiergs). Cerca de 4 quilos de resíduos recicláveis serão trocados por dois livros. Um ficará com o aluno e o outro será doado à biblioteca para uso de toda a comunidade escolar.
As escolas participantes também receberão 57 livros cada do escritor Jorge Martins, patrono desta edição do Troca Solidária de Livros. Esses volumes serão doados pelo Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU), que coordena o projeto.

30/04/2015, DMLU coordena reunião de ajustes dos últimos detalhes para o Troca Solidária de Livros. Foto: Renata Simmi/Divulgação PMPA

O DMLU ainda irá realizar ação para eliminar dois focos de lixo, um na proximidade de cada escola.  O diretor-geral do Departamento, André Carús, destacou que a iniciativa, pioneira no país, busca ressaltar a importância da correta separação e descarte de resíduos e o hábito da leitura. “Sabemos que crianças e adolescentes são multiplicadores de boas ações em suas famílias e comunidades. Entendemos que, ao estimular bons hábitos neste público-alvo, nosso alcance é muito maior”, destacou.
As escolas também terão palestra do escritor Jorge Martins, um ex-menino de rua, que falará de sua trajetória pessoal, de como superou adversidades e hoje é autor dos livros “Meu nome é Jorge”, “O menino da caixa de sapatos” e “O menino e o seu segredo”. “Para ser alguém na vida, não é preciso ter poder aquisitivo alto, não interessa a cor da pele ou o ambiente em que se está inserido, apenas vontade. É este incentivo que busco trabalhar nas minhas palestras”, afirma.
Os detalhes finais do Troca Solidária de Livros, uma parceria do DMLU, da Secretaria Municipal de Educação (Smed) e do Banco de Livros, foram ajustados em reunião nessa quarta-feira, 29, na sede do DMLU.
Lista de resíduos recicláveis aceitos para a troca:
– Metais
– Plásticos
– Vidros (devem ser entregues em sacos separados, para evitar acidentes na coleta e na descarga na Unidade de Triagem).
– Papéis
– Embalagem longa
Resíduos não permitidos: embalagens com resíduos perigosos, medicação vencida, pilhas e baterias, lâmpadas fluorescentes, resíduos eletrônicos, madeira, resíduos da construção civil, orgânicos e similares.

Deixe um comentário

Arquivado em Diversos, Escolas municipais e professores municipários, Gosto pela leitura

Troca Solidária de Livros ocorrerá em maio em duas escolas

Publicada no portal PMPA em 04/03/2015

Texto de: Cibele Carneiro

A edição especial do projeto Troca Solidária ocorrerá no dia 9 de maio, na Escola Municipal de Ensino Fundamental Governador Ildo Meneghetti e, no dia 16 de maio, na Escola Municipal de Ensino Fundamental Judith Macedo de Araújo. As instituições participantes poderão trocar cerca de 4 quilos de resíduos recicláveis por dois livros (um ficará com o aluno e outro será doado à biblioteca escolar), ao invés de alimentos.

Reunião define detalhes da edição especial do Troca Solidária de Livros. Foto: Renata Simmi/Divulgação PMPA

O Troca Solidária de Livros, que ocorrerá também no início do segundo semestre, busca incentivar a correta separação dos resíduos e estimular o hábito da leitura nas crianças e adolescentes. Para preparar a comunidade escolar, o Serviço de Assessoria Socioambiental (Sasa) do DMLU realizará em abril curso sobre a correta separação de resíduos para diferentes turmas.
A edição especial do Troca Solidária é uma parceria do DMLU, Secretaria Municipal de Educação (Smed), Fundação Gaúcha dos Bancos Sociais (Banco de Livros), vinculada à Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (Fiergs), e do escritor Jorge Martins, que será patrono desta edição. Ex-menino de rua e autor dos livros “Meu nome é Jorge”, “O menino da caixa de sapatos” e “O menino e o seu segredo”, Martins dará palestra nas duas escolas. “Para ser alguém na vida, não é preciso ter poder aquisitivo alto, não interessa a cor da pele ou o ambiente em que se está inserido, apenas vontade. É este incentivo que busco trabalhar nas minhas palestras”, afirma.
O diretor-geral do DMLU, André Carús, destacou que a escolha do escritor como parceiro da iniciativa ocorre principalmente pelo exemplo de superação. “Temos todos sempre que nos superar em vários aspectos, tanto em termos pessoais como de hábitos insustentáveis. A parceria do DMLU com todos esses importantes atores visa à mudança cultural, com foco na separação correta dos resíduos, redução de produção de lixo, incentivo à leitura e cuidado com a cidade”, destacou.
As escolas participantes também assumirão o compromisso de cuidar de um foco irregular de lixo, em parceria com o DMLU. As definições ocorreram nesta terça-feira, 3, em reunião na sede do DMLU. Também participaram da reunião Neli Miotto, do Banco de Livros da Fiergs; Glaucia Malta, vice-diretora da Escola Gov. Ildo Meneghethi; Fabíola Oliveira, coordenadora da Emef Judith Macedo de Araújo; Andréa Ketzer Osorio, da Educação Ambiental da Smed; Maria Bernadete Chaves Ramos, da Emef Gov. Ildo Meneghethi; Gorete Losada, da Emef Judith Macedo de Araújo.
Troca Solidária – Neste sábado, 7, ocorrerá edição do Troca Solidária convencional na Cohab Cavalhada. O projeto é uma parceria do DMLU, da Secretaria Municipal da Produção, Indústria e Comércio (Smic) e do Sindicato Rural de Porto Alegre. Além do estímulo à separação adequada dos resíduos, tem por base a promoção do reforço alimentar em comunidades carentes e a ampliação da consciência coletiva de cuidado com os espaços públicos. Na fase piloto do projeto, finalizada em janeiro, duas comunidades participaram: Restinga e Vila Maria da Conceição. Para saber mais sobre o evento de sábado, clique aqui.

4 Comentários

Arquivado em Escolas municipais e professores municipários

Troca Solidária terá edição especial com livros

Publicada no portal PMPA em 13/02/2015

Texto de: Guga Stefanello e Cibele Carneiro

 

O Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU) promoverá, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (Smed), edição especial do projeto Troca Solidária com a participação de escolas da rede municipal de ensino. As instituições integrantes poderão trocar resíduos recicláveis de lixo por livros.

 

Em reunião na manhã desta sexta-feira, 13, entre o diretor-geral do DMLU, André Carús, e a secretária de Educação, Cleci Maria Jurach, na sede da Smed (Centro Histórico), ficou definida a realização da parceria. A data da edição especial do Troca Solidária e as escolas participantes serão anunciadas posteriormente.

 

Conforme Carús, além do incentivo à correta separação dos resíduos, esta edição especial do Troca Solidária objetiva estimular o hábito da leitura nas crianças e adolescentes. “A intenção é ampliar o acervo das bibliotecas das escolas parceiras, sensibilizando os alunos a separar os resíduos de forma correta e a ler mais. Sabemos que esse estímulo é multiplicado nas famílias, pois as crianças levam para casa novas informações”, destacou.

 

O diretor-geral do DMLU lembrou que o projeto desenvolvido ao longo do ano de 2014, inspirado nos projetos Troca Solidária, de Caxias do Sul, e Câmbio Verde, de Curitiba, é uma rede de solidariedade que vai além do assistencial, ao ter um sentido educativo e de conscientização.

 

 

Troca Solidária foi debatida entre Cleci Jurach (C) e André Carús (D). Foto: Guga Stefanello/ Divulgação PMPA

 

 

Troca Solidária – O projeto é uma parceria do DMLU, da Secretaria Municipal da Produção, Indústria e Comércio (Smic) e do Sindicato Rural de Porto Alegre. Além do estímulo à separação adequada dos resíduos, tem por base a promoção do reforço alimentar em comunidades carentes e a ampliação da consciência coletiva de cuidado com os espaços públicos. Na fase piloto do projeto, finalizada em janeiro, duas comunidades participaram: Restinga e Vila Maria da Conceição. A próxima edição ocorrerá no dia 7 março, na Cohab. Somente adultos acima de 18 anos podem efetuar a troca dos resíduos.

Deixe um comentário

Arquivado em Escolas municipais e professores municipários

Curso O Livro Passo a Passo

Divulgamos o curso oferecido pelo Studio Clio, em Porto Alegre

 

= = = =

= =

 

BW O livro passo a passo (1)

Deixe um comentário

Arquivado em Sem categoria